apenas eu.

Minha foto
"Todas as coisas são lícitas, mas nem todas convêm." (1 Coríntios 10:23a)

transeuntes.

sábado, 1 de maio de 2010

sem sentido, sem título.

Esse lance de conhecer pessoas é muito louco. Sempre me pauto pela incerteza, pelo fato de não saber se vai dar certo ou não é preferível não fazer. Sempre acabo lutando contra mim mesmo e no fim rendida por mim mesmo. Talvez seja esse o momento de ressurgir sem medo daquilo que acabou me destruindo tempos antes.
Passei o dia todo com borboletas voando no estômago...
Saí do trabalho, sentei sozinha num daqueles bares na Praça do Carmo. É! aqueles que sempre tem um cara ou uma mina, um banquinho e um violão, tocando todas as músicas do mundo, de nacional a internacional, todos os estilos de música pra todos os gostos. Pedi uma cerveja e observei o movimento, sozinha as coisas e pessoas tem outra entonação, enquanto isso esperava.
E pra que tudo isso, o que esta querendo dizer? Qual o sentido do que está escrito aqui? - você pode me perguntar.
E eu respondo com outra pergunta então: porque tudo tem de ter um por que? Nem mesmo eu sei se teria de ter um porque. Não tem porque, apenas quero dizer que estou vivendo um momento bom, não é nem pela pessoa (pois poderia ser qualquer outra) mas pelo momento. Com expectativas em maior ou menor proporção não interessa. Talvez a coerência não se faça necessária aqui e agora, perde-se o sentido quando tentamos achar muito sentido nas coisas. Por enquanto é isso e tudo pode passar daqui 10 minutos, tamanha minha instabilidade. Tô vivendo e só!

7 comentários:

GIL ROSZA disse...

acho isso um bom negocio com a gente mesmo. mta pergunta só trás mta resposta e mta resposta embaralha tdo pq não responde nada. por incrivel q pareça, seguir vivendo faz mto sentido. rsrs.

Vanessa Souza Moraes disse...

E viver é muito perigoso, dizia Guimarães Rosa.

Meus Pensamentos disse...

Que delícia ter alguém que possa dividir comnosco esses momentos que são ímpares, nada repete-se...
Felicidades Camila!
Bjs
Mila

Camilla Aloyá disse...

estamos aí na atividade, correndo riscos, vivendo com intensidade.

JaNa disse...

É isso, nega!
Se deixe levar pelo novo...
Só não deixe de compartilhar alguns momentos. =)

Camilla Aloyá disse...

acho que nem é pela pessoa mas sim pelo momento, gosto de me sentir viva, na verdade quero me sentir viva, ainda falta um pouco de adrenalina mas estou indo no caminho certo.

Camilla Aloyá disse...

já, já, já... já foi!

não era paixão posso afirmar com conhecimento de causa, compartilhamos momentos mas acabou, isso é SOMA.