apenas eu.

Minha foto
"Todas as coisas são lícitas, mas nem todas convêm." (1 Coríntios 10:23a)

transeuntes.

terça-feira, 22 de junho de 2010

Muito lisonjeiro de sua parte.

Foi em 2006 que o conheci e de uma forma muito inusitada. Estamos eu e meus companheiros de faculdade num churrasco na chácara do Alexandre lá nos embrólios e infinitos de São Bernardo do Campo num churrasco de confraternização. Esperavamos ansiosamente pelo Rui que nunca chegava, ligavamos a cada cinco minutos para saber onde ele se encontrava e se estava perdido. A princípio Rui disse que estava na Galeria Olido vendo um filme e as horas passavam. Numa das dezenas de vezes que ligamos ele nos fala que havia conhecido um cara no cinema. Quando o filme acabou os dois levantaram para aplaudir e só haviam os dois na platéia, logo se cumprimentaram e Rui o convidou para o churrasco e ele logo aceitou. -Ele? Nos perguntavamos. -Mas quem é ele Rui? -Quando chegar aí vocês verão, ele é muito bacana! Estavamos ficando cada vez mais preocupados e se "ele" fosse um serial killer e nos matasse a todos naquele meio de mato no fim do mundo?
Depois de horas eis que Rui e ele chegam na festa. Apresentações e festenhas por sabe que estava tudo bem. "Ele" se chamava Johannes, vindo diretamente do Espírito Santo para cursar a facudade de Direito aqui em São Paulo, morava numa rua acima da Rua Augusta. Depois disso ainda tive alguns encontros com Johannes, fomos em alguns lugares umas duas ou três vezes, fizemos algumas festinhas em sua casa, acredito que tenha rolado até uma paixão da minha parte para a dele mas passou e depois nunca mais o vi.
Quando semana passada ele me liga e diz ter visto algo com a minha cara e queria meu endereço para mandar por correio, eu passei tudo certinho e fiquei receosa que fosse uma bomba mas ele me alertou que não seria. Ontem chegou o presente, mas só vi hoje pela manhã: um Dvd e um bilhetinho escrito num post-it veio colado a capa com uma saudação a mim e uma mínima descrição do que continha no Dvd. Digo mínima porque máxima foi minha sensação ao assistir, até chorei, lindo, lindo, lindo. E o que mais me impressionou foi que realmente tem tudo a ver comigo e mais ainda a prestimosidade dele em me presentear e conseguir lembrar de uma das minhas particularidade e gosto musical. Muito bom, sinto-me lisonjeada e por muito agradecida.

"Olá!!! Quando vi isso lembrei de você na hora... O som arrepia pela musicalidade e construção técnica. A idéia do Projeto é a integração musical de várias pessoas em vários cantos do mundo simultaneamente. Veja e depois me diga o que achou. Beijos p/ você e p/ Elisa. Luz!!! Johannes - 17/06/10"

Playing for Change: Songs Around the World

Mark Johnson, fundador do "Playing for Change", e sua equipe viajaram durante uma década com uma única paixão e objetivo: conectar o mundo por meio da música. A ambiciosa jornada os levou à África do Sul pós-apartheid, passando pelo Oriente Médio, até as montanhas do Himalaia e muito mais. O resultado do projeto está em Songs Around the World, que reúne canções e vídeos de músicos de diversos cantos do mundo tocando essencialmente juntos, embora a centenas ou milhares de quilômetros de distância uns dos outros. Vale super a pena conferir! Tem alguns vídeos no Youtube.

9 comentários:

Johannes disse...

Adorei o post.. Fico muito feliz por você ter gostado.. Mas também não foi difícil agradar né? Acho que esse DVD comoveria até o mais radical dos Heavy Metals...

Saudosos bjos,

Johannes

carol... disse...

hehe... adoooro!!! Época ótima de confraternizações s/ motivo algum, c/ essas pessoas piraaadas! E q rendem várias risadas até hj!!!! Quer ver só?:

Domingo, verão, calor, todas as 247pessoas acordam, lá pelas 11h. Preguiça, silêncio total no apto (quase c/ grilos cricrilando, q nem nos filmes).

Eis q alguém lança um:

"- e aí, vamo p/ praia?"

hahahhahaahahahahahahahahahhahhahahahhahahahhahahaahahahhahahahahhahahhahahahhahahahhahahahahahaha.......

carol... disse...

Ahhhhhhhh! e fora a blusa azul do Brasil, q agora todas estas mesmas 247 pessoas tem igual!

huahuahahahahaaha...........

Aliás, agora é a hora, hein...!

carol disse...

Ah!!!

E só p/ não perder a piada mor:

CHICLETEEEEEEEEEEEEEEE!

Camilla Aloyá disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk...

e a Greta falando que era pior morrer queimado do que afogado... corpo em chamas, cheirando a queimado e a pessoa se sufocando!
kkkkkkkkkkkkk...

Johannes disse...

que bom que gostou.... não teve jeito.. lembrei de vc na hora.

.

Eu já vi umas 8 vezes!!!! Viciante!

Ana Célia Cruz disse...

Carambaaaaa! Acabei de conhecer esse projeto, por acaso, em outro blog muito belo que estou acompanhando... até coloquei uns vídeos no meu orkut. Vc está intimada a fazer uma cópia pra mim! Sem desculpas ok? Bjobjo!

Camilla Aloyá disse...

Oi Dona Célia... quanto tempo não apareces por aqui!
E qual é esse blog que vc tá seguindo, passa o link... quanto ao dvd posso sim gravar um pra ti, assim será um pretexto pra nos encontrarmos... beijos no coração.

Anônimo disse...

Camila!!
Como é maravilhoso e lindo tudo isso...o melhor de tudo é saber que temos muita historias para contar...tempos otimos que ha cada dia me enche de saudades!!!
Bjos, menina linda!!!
Rui