apenas eu.

Minha foto
"Todas as coisas são lícitas, mas nem todas convêm." (1 Coríntios 10:23a)

transeuntes.

sábado, 17 de janeiro de 2009

Recado!

Assim... para acabar minha estada na internet nessa esta noite chuvosa...
só um ligeiro comentário aos meus tão graciosos visitantes ou para aqueles a quem eu não almejo nem a companhia mas mesmo assim insistem em ter-me por perto.
Minha autenticidade encomoda? pois, eu sou assim, não sou um plagio... tudo o que tenho e sou, o é por mim mesmo, consigo tudo o que desejo justamente por ser autêntica ao ponto máximo, e por isso algumas vezes sou estereotipada de alguns adjetivos nada agradáveis mas também nada relevantes para minha pessoa. Sei que algumas pessoas me invejam e dói nelas saber que sou desse jeitinho que sou e que todos conhecem... porra de inveja do caralho! eu não tenho nada a não ser minha vida e minha luta constante pela minha transformação e pela autonomia alheia! desculpe falar assim mas estou deveras indignada com tudo isso.
Quanta gente medíocre! ou será que é apenas uma pessoa e que por sinal tenta me atingir de todas as formas mas em nada consegue, posso lhes garantir... eu tenho o amor dentro e fora de mim, amor da minha família, dos meus amigos, de um homem lindo que eu amo demais, o que de melhor eu poderia querer!!!!
Infelizes são os que não têm amor de ninguém nem mesmo conseguem ter amor próprio e se fingem de coitadinhos (porque de coitados não têm nada), tudo aceitam em favor de não perder as migalhas que alguém possa lhe proporcionar. Isso é dependência emocional e não há quem me tire essa idéia da cabeça... falsos moralistas, hipocritas, não conseguem nem acreditar no que saí de sua própria boca e fingem ser o que nunca poderão ser.
Eu não nasci para disputar nada com ninguém muito menos para fazer maldade como já vieram a fazer-me... eu sou feliz! e quem está ao meu lado está porque quer e não por obrigação. Eu sou chata, grossa, mimada as vezes, admito! mas estou trabalhando isso em mim e já mudei bastante, haja visto, o reconhecimento das pessoas que me cercam.
Enfim... recado dado e eu fui por que a noite é uma criança, eu não sou amargurada e vou dançar, a música pode ser capaz de tranformar o mundo!
Ah! só mais uma coisinha: quanto mais me desejam longe mais perto eu estou. CUIDADO posso ser o seu pior pesadelo! Ha ha ha...
Viva a vida!
Um brinde a vida!
Evoé!
Axé!

2 comentários:

danicafrancesa@gmail.com disse...

Incrível a maneira que vc se expressa Camis. Parabéns. E o que escrevi em seu orkut repito:

ADIMIRAÇÃO é a palavra. Tens a minha! ;)

Grande mulher. Parabéns novamente!
Um super beijo gatáá!
*
*
*

Camilla para os menos íntimos... disse...

que bom que gostas!