apenas eu.

Minha foto
"Todas as coisas são lícitas, mas nem todas convêm." (1 Coríntios 10:23a)

transeuntes.

segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Acidente ou Negligência?

Como forma de manifestação, porque eu também ando de bicicleta e com uma criança de 7 anos na garupa, é que posto aqui o texto escrito pela Ana Célia do blog Sobre Casamentos e Bicicletas, Política e Gastronomia (http://anaceliacruz.blogspot.com/). Alguma providência tem de ser tomada para evitar mais mortes e tirar o c... da reta jogando a culpa nos ciclistas.

Hoje um ciclista foi morto na Av. Barão de Mauá, em Mauá. Morreu “na mão”, porém, “atrapalhando o tráfego”.
O motorista disse que o ciclista “estava trafegando do lado direito da via quando se desequilibrou e caiu debaixo da roda traseira”, e ainda: ”tentei freiar o caminhão, mas como estava carregado não foi possível”
E assim, o motorista se tornou um assassino, mesmo “sem querer”.
Pela descrição, dá pra imaginar que ele não guardou uma distância segura do ciclista, nem mesmo estava a uma velocidade segura, pois “não foi possível” frear o caminhão.
Acidente é você se desequilibrar e cair da bicicleta, levantar desenchavido, contabilizar os arranhões e o joelho ralado, abrir um sorriso amarelo pro primeiro que perguntar: “se machucou?”, sentar novamente na bike e se esquecer de olhar pra trás… isso é um acidente.
Não é acidente que uma cidade com MILHARES de pessoas circulando diariamente de bicicleta (sem poluição sonora ou do ar, praticamente de graça, de forma saudável e sem causar congestionamentos), não tenha R$ 1,00 investido em estrutura cicloviária.
Isso não é acidente, é uma escolha política por uma sociedade que polui e congestiona suas cidades em nome do lucro de alguns e ainda mata os que optam (ou são obrigados) a se transportar e viver de outra forma.
Em nome dos Acidentes, que nossas vidas não sejam mais negligenciadas, em especial por nós mesmos.
Continuemos indo de bike. Nossos sentimentos aos familiares e amigos.

Foto e informações: http://www.mauamais.com.br/cotidiano37.html

Originalmente postado em http://www.bicicletadaabc.wordpress.com/

4 comentários:

Didi. disse...

Apoiadissíma. Nunca vemos aonde vai parar nosso impostinho que é cuidado por impostor...


Sorry pela demora, meu pc morreu e não ressucita nem no dia do juízo final, daí venho correndo numa lan house peba aqui perto de kza ^^

Danilo disse...

Por culpa da ganância mais e mais carros estão sendo produzidos e enchendo as ruas sem ter espaço paras as bikes e muitas pessoas não respeita quem esta com ela andando na maior calma sem poluir e fazendo um exercicio.As ruas cada dia que passa está sendo citiada por veiculos auto motores e as bikes estão ficando de fora dessa, uma pena, mas não desistimos pq quem anda de bike sabe como é bom e posso garantir isso pq faço quase todas as coisas de de magrela, inclusive indo para a praia. Abaixo aos carros e caminhõs e principalmente a babilônia que nos oprime e não nos respeita.

Camilla Dias disse...

tá lá um corpo estendido no chão...
fica aqui minha indiganção em forma de protesto.

Suelen Bastos disse...

concordo com você. o brasileiro "adora" menosprezar o Brasil com frases tipo "isso é Brasil", ou "por isso que o Brasil não vai pra frente". mas quando é pra reivindicar seus direitos parece que sua voz desaparece. e quando um "acidente" desse acontece, procura logo alguém pra culpar, quando na verdade deveria culpar a si mesmo por dizer "melhor prevenir que remediar" quando na verdade tomam suas doses homeopáticas de um remédio da alienação.
apoio você nesse seu clamor por mudanças!