apenas eu.

Minha foto
"Todas as coisas são lícitas, mas nem todas convêm." (1 Coríntios 10:23a)

transeuntes.

quarta-feira, 8 de junho de 2011

Liberdade Assistida.




Semana passada tive a oportunidade de participar de uma palestra com o Promotor de Justiça Eduardo Dias de Souza Ferreira, apesar de ser meu primeiro dia de trabalho na equipe do CEDECA MPT, me senti bastante a vontade com o tema discorrido por ele e que também é sua tese de doutorado.
Compartilho com todos minha mais nova aquisição: o livro "Liberdade Assistida no Estatuto da Criança e do Adolescente: aspectos da luta pela implementação de direitos fundamentais" examina a natureza e o conteúdo da medida de liberdade assistida, como a possibilidade de acumulação com outras, a progressão ou regressão, a sua eficácia e o respectivo procedimento, tanto no que pertine à cognição, como quanto à sua execução. Defende a imperiosa necessidade de a atividade jurisdicional estar conectada e integrada com as políticas públicas e a própria sociedade, seja para evitar a delinqüência, seja para uma efetiva reinserção daquele que praticou o ato infracional.
De tudo isso, percebe-se que o livro se constitui em obra completa e exauriente, revelando-se instrumento indispensável aos militantes do direito, em especial aos que se preocupam com a causa da criança e adolescente, como substrato mesmo do futuro de todos nós.

5 comentários:

Maura Icléa disse...

Parabéns!! bjs

Camilla Dias disse...

parabens pelo o que?

Maura Icléa disse...

Pela sua leitura!!!

Ana Célia Cruz disse...

Trabalho diretamente com o Dr. Eduardo, ele é o coordenador do CAO Cível na área de Direitos Humanos, e eu a Assistente Social dos Direitos Humanos no CAO Cível. Sei que ele é um Promotor diferenciado e bastante engajado e eu, não quero mais ser AS do MP... não nas atuais circunstâncias, alienada... são as contradições...

Evilim_Reis disse...

Segue meeeeu blooog .
http://evilimreis.blogspot.com/
Agradeeeço desde já ! #