apenas eu.

Minha foto
"Todas as coisas são lícitas, mas nem todas convêm." (1 Coríntios 10:23a)

transeuntes.

sexta-feira, 20 de novembro de 2009

só porque tem a ver.

"Todo caminho da gente é resvaloso. Mas também cair não prejudica demais - a gente levanta, a gente sobe, a gente volta... O correr da vida embrulha tudo. A vida é assim: esquenta e esfria, aperta e daí afrouxa, sossega e depois desinquieta. O que ela quer da gente é coragem!"

Guimarães Rosa

4 comentários:

Camilla para os menos íntimos... disse...

tem a ver porque parece estar passando uma retrospectiva na minha cabeça, lembrei da época do Colégio Américo Brasiliense porque trabalhei lá por esses dias e não achei que fosse voltar da maneira que voltei e quanta coisa não vivi ali; lembrei do pai da minha filha e cheguei a conclusão de que eu o amei a princípio mas depois virou algo que nem sei distinguir o que fosse; lembrei da minha avó que faleceu e até hoje sinto vontade de comer os pastéis que ela fazia desde a massa até o recheio, das balinhas de caramelo que ela pingava na água e me dava, do carinho e amor que ela tinha por mim; lembrei do amor delicado que senti pelo José e como tudo foi tão lindo e afetuoso no começo, de como tudo acabou e isso aí que acontece com a gente hoje e que eu não sei definir que tipo de relação é essa; lembrei de quando eu estava morando em SBC e longe da minha filha e também como morar lá me fez bem; lembrei da minha mini-relação com o Eduardo e a dor física e emocional que venho sentindo depois que aconteceu tudo aquilo comigo e ele soube pela boca de outras pessoas que não eu; lembrei que estou a 3 meses com salário atrasado e várias contas pra pagar; lembrei que estava completamente encantada por um mocinho que conheci na internet, fantasiando um relação virtual e o encanto acabou assim de uma hora pra outra... lembrei de tantas coisas e quantas coisas eu vivi! das relações mal-resolvidas e até hoje sem resolução, entretanto, eu almejo resolvê-las todas um dia.
fui feliz e triste como tem de ser, eu não vou desistir apesar de todos os encontros e desencontros que a vida dá e sei que tudo tudo tudo vai dar fé, dar pé, dar zé! rsrs!

Ni disse...

vc veio de guimarães, eu vou de cecília...
" aprendi com a primavera a me deixar cortar.
e a voltar sempre inteira"...
é isso... se ver num exercício interminável de viver sempre por inteiro até na aflição...
depois do corte a seiva se concentra e a flor vem mais bonita... prá depois vir outro corte... ad infinitum...
"dinheiro eu não tenho não...
mas palavras de carinho sei escrever até demais..."
rsrrsssr

Gil Rosza disse...

o renato teixeira tbm tem uma que gosto mto; "simplesmente conhecer as marchas e ir tocando em frente".

=)

Carol disse...

Gostei !! Guimarães Rosa é muito bom !!