apenas eu.

Minha foto
"Todas as coisas são lícitas, mas nem todas convêm." (1 Coríntios 10:23a)

transeuntes.

quarta-feira, 18 de novembro de 2009

Divagação da trabalhadora desempregada.

Andando pela Oliveira Lima na hora de almoço de um freela que estou fazendo, passei no banco, tirei um extrato, nada! pensei que eu poderia encontrar 50 mangos no chão ou até menos que fosse, já iria livrar uma cara - divaguei! No entanto, o ímpeto se desfez quando pensei que não existe lugar algum que eu passe que outros já não tenham passado, sendo assim, mesmo que essa nota caísse do bolso de alguém, já teria passado um outro alguém por ela e a pegaria. São tantos caminhos diferentes, o mundo é tão grande e como tem gente nele! A cada dia nascem mais e mais pessoas. Eu mesmo me recuso a colocar mais um ser nesse mundo insalubre.

É tanta gente no mundo e estamos todos - sem exceção - atrelados e refens do dinheiro, presos nessa horrenda cadeia da ditadura capitalista. Não tê-lo implica na invisibilidade, na falta de status quo e possivelmente em problemas emocionais; sem dinheiro o ser humano não é nada e não faz nada, não conseguirá satisfazer as suas necessidades básicas e historicamente determinadas e nem mesmo os seus luxos e futilidades. E tê-lo é resultado da venda da sua força de trabalho que implica na sua escravidão, na privação da sua liberdade. Como disse Marx: "O trabalhador só se sente a vontade no seu tempo de folga, porque o seu trabalho não é voluntário, é imposto, é trabalho forçado." Não se tem para onde correr baby e nem adianta gritar, esperniar ou rolar no chão. O pote de ouro no fim do arco-íris só existe nos contos infantis e bem diz o ditado popular "dinheiro não caí do céu", até pra morrer paga.

Eles querem que você venda sua força de trabalho ser social e contraditoriamente você precisa vendê-la. É certo que sua liberdade será utópica mas de alguma maneira mesmo que ínfima terás crédito na praça e uma visibilidade insípida.

E tem gente que ainda acha que está ordenado dentro da desordem.

9 comentários:

Gil Rosza disse...

deve ter sido PES, mas acho que postamos (sem combinar) quase a mesma coisa =) rsrsrs

Camilla para os menos íntimos... disse...

o que siginifica PES?
se for algo relacionado a coincidência, pensamento igual (aquele lance de "falamos juntos"), premunição eu diria que nosso CORTÉX está aguçado!!! rsrs!

Gil Rosza disse...

PES é percepção extrassensorial.
tenho uma amiga escorpião com ascendente em escorpião, que chego a ter medo da "PES" dela.

Ni disse...

quero "vender" minha "força de trabalho" em algo que me dê prazer... sonho?

Lú Morena disse...

"...Toda a sociedade se divide, cada vez mais, em dois grandes campos inimigos, em duas grandes classes diretamente opostas..."
Assim ja dizia Karl Marx (irmão da Lú Loira). O mais dificil é entender o por que essa tal "sociedade burguesa" consegue de todas as formas inserir essa consciência fascista nesta sociedade que se intitula "moderna".
Ou será que realmente os homens modernos ainda estão com seus belos cabestros. Ah fala sério ACORDEM eles não são melhores que nós, são a minoria, e você ja sabe, "A União faz o açucar". (rsrs).

Thaissa Costa disse...

Conta bancária? O que é isso? A falta de dinheiro é tanta que nem aceitam que eu abra uma conta. Vai vendo aí...

ferzak disse...

malandro..
to com medo de vocês..
A lu morena destruindo..

Que porra vcs tem tomado ??

abraço !!

Camilla para os menos íntimos... disse...

fernando... eu não tô tomando nada, talvez vc que nunca tenha percebido meu grau de intelecto! rs!

Janaína disse...

pqp...