apenas eu.

Minha foto
"Todas as coisas são lícitas, mas nem todas convêm." (1 Coríntios 10:23a)

transeuntes.

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Ou canta ou paga!?

Show de graça é uma incógnita, nunca dá pra saber se as pessoas que estão lá são todas fãs ou foram porque é no domingo a tarde e gratuito.
O que mais tem no mundo são pessoas e pessoas não podem ouvir que tal situação é "free, grátis, na faixa" que se unem todas e vão mesmo sem saber do que se trata. É tipo degustação de mercado: se é bom ou ruim não sei, mas quero comer!
Eu mesmo me recuso em ir à algum show que eu não conheça quem é o cantor pelo simples fato de ser gratuito. Gosto de cantar junto, dançar, ter orgasmos musiciais manja?
Mês passado fui no show da Norah Jones no Parque da Independência no Ipiranga, haviam mais de 10 mil pessoas no local, muvucado e tenho certeza que metade ou mais que a metade das pessoas que estavam lá não sabiam quem era a cantora ou se quer sabiam cantar 03 músicas inteiras.
Semana que vem terá show do Ed Motta na faixa em São Caetano e eu chamei uma amiga para ir porque sei que ela gosta e cantará todas as músicas de todos os cd's como eu, então não será uma perdida no meio do show a ocupar apenas espaço físico, irá de fato cantar junto em alto e bom som.
Assim como no domingo iremos no show do Femi Kuti no SESC, ele é filho do Fela Kuti e no entanto não conheço sua obra e sim a do seu pai mas estarei lá e por isso pagarei e não precisarei cantar. Antes ao menos fui até o santo dos cantores desconhecidos, o dito Youtube e dei uma pesquisada, vi alguns vídeos e tals pra não fazer feio (rs).
Para mim em shows gratuitos o ingresso seria cantar obrigatoriamente ao menos 03 músicas inteiras do cantor ou cantora para poder entrar, se não dê meia volta e vá pra tua casa. Nos pagos já seria diferente, se paga logo não precisará cantar.
Democrático não?
Ou canta ou paga!


PS: pra vocês fica um vídeo do Femi Kuti, aquele que eu não manjo muito mas que pelo que eu percebi é tão bom quanto seu pai. Sem falar que é um negrão!

3 comentários:

Camilla Aloyá disse...

O show foi dahora, queria fazer metade dos que as dançarinas-esposas do Femi Kuti fazem com a bunda! rsrs...

Janaína disse...

tipo, você diz rebolado delas? rsrs
O som do Femi não conheço, mas já o Seun Kuti...tenho aqui um cd dele, e é muito bom.

Pow, aí em Sampa rola com mais frequência esses show 0800.
Norah Jones, Femi e agora o Ed Motta. Eu comecei a prestar atenção ao Ed no Cd, acho que de 1997, Manual Prático de Festas e etc [o nome do cd é enorme rs] Adoro as músicas e destaco Falso Milagre do Amor... que é minha música. =)

" É tipo degustação de mercado: se é bom ou ruim não sei, mas quero comer!" [É isso mesmo rs]

Camilla Aloyá disse...

sim Janaaaaaaa... digo sobre o rebolado, o que é aquilo???

Sean Kuti não conheço mas o pai de Femi, o Fela Kuti esse sim foi o cara, muito bom pena que morreu cedo demais por muita extravagância, mas enfim quando chega a hora é a hora e pronto, não dá adiar...

aqui rola mesmo shows de primeira na faixa e quando não na faixa com preço miudinho no SESC... rsrs...